domingo, 20 de março de 2011

O pequeno gato branco

Um dos meninos da família loira é uma miniatura do grande gato branco

Ele, a mãe e 4 irmãos estão num hotelzinho desde dezembro

 Quando ficaram prontos para adoção, era Natal e Ano Novo, é muito difícil doar um gatinho nessa época

Depois férias, carnaval e nenhuma adoção

Passado o carnaval, quando finalmente algumas pessoas começam a escrever novamente e procurar um gatinho para adotar, a resposta que invariavelmente recebo é "não tem mais novo?"

Eles estão com pouco mais de 4 meses e são considerados velhos...

Porque tanto preconceito?

Porque as pessoas são tão superficiais ao procurar um amiguinho para adotar?

Adoção deveria ser um ato de amor

Será que o amor anda tão leviano assim?

Repito o que diz com toda a propriedade o S.O.S Gatinhos:

"Você deseja a aparência que vai durar apenas alguns meses ou um companheiro para viver mais de uma década com você?"


14 comentários:

Lady T disse...

Que pecado,gente! 4 meses sao super novinhos..e outra: adoçao é um ato de amor,as pessoas nao devem julgar a idade,o sexo,a pelagem...

gastaum disse...

sem contar que gatinho filhote é daqueles que não deixa tu nem dormir direito de tanta bagunça que faz. prefiro os meus dois hoje, mais sussegados
=]

Geroto disse...

tentem pensar por outro lado, apesar de ser mais difícil doar, pelo menos é um pouco mais de certeza que quem pegar não vai abandonar, já que normalmente quem pega animal filhote pega pq são "fofinhos e pequenos" e quando o animal cresce e muda comportamento ou demanda mais comida e cuidado pode acabar sendo descartado :/

Marilia 2 disse...

Pati, as pessoas são preconceituosas em sua essência. Infelizmente. Espero que eles consigam lares amorosos. Torcendo muito.

Karina disse...

Jade chegou em casa com quase dois anos e hoje é minha suuuper companheira. Não vejo mais minha casa, minha família, sem essa gatinha! Fica a dica pra quem pensa em adotar um filhote, adultos tb são tudo de bom!!!! (e quatro meses, nem são adultos, né? hihihi) Boa sorte pra família loira, logo serão adotados :D

Vânia disse...

Estranhas pessoas q procuram q o amor se adapte a elas, e não se deixam invadir pelo amor incondicional. Na torcida pelos gatinhos!

Suzana Tamassia disse...

Sinto pena de quem pensa assim...se essa pessoa soubesse que a idade do gatinho é o que menos importa e o que importa de verdade é quão delicioso é ter sua companhia, pensaria duas vezes e levaria esse branquinho pra casa na mesma hora.

As Aventuras da Gata Sofia disse...

Oi Paty,to tendo muitas dificuldades com os gatinhos do casarão...
Só por ficar por certo tempo por perto já estão pensando em algo tipo vandalismo e alguns vizinhos me acusaram de querer tirar os gatinhos de lá pra extermina-los...
Fiquei muito triste com isso,imagina se eu poderia fz isso!!
Eles só querem os bichinhos pela redondeza para se livrar de ratos que são muito comuns no centro histórico.
Mas vou pedir autorização pra quem quer que seja e vou castrá-los sim, não vou desistir deles nunca...e com certeza vou ficar com algum pra mim...ou alguns hihihi
bjks Paty e lambidas da sofia

Dininha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mel Preciosa disse...

Está mais que na hora de alguém fazer a campanha: "ADOTAR UM GATO ADULTO É TUDO DE BOM!!!". Pode não resolver mas acredito que ajude um pouco. Tenho pena dos que não sabem e nunca saberão como isso é bom. A gratidão que eles sentem se transforma em amor por quem os adota.

Micaela disse...

As vs chega a ser "engraçado " a ignorancia de certas pessoas. Um gato adulto consegue se habituar com mais facilidade, aprende muito mais rapido aonde fazer as necessidades, o que pode ou nao pode arranhar. To com duas gatinhas pequenas pra adoção e fazem o dobro de bagunça que meus 6 gatos adultos. Adotar um gato adulto é sinonimo de inteligencia. xD

Janaína disse...

Espero de coração que eles consigam ótimos lares logo. Eu adotei o Nemo com 5 meses e a Petita com 8 ou 9 meses, e foi perfeito! Quem ama mesmo os gatos deveria dar chance aos maiorzinhos, já que a maioria das pessoas tem esse pensamento egoísta de só querer os bebês que mal desmamaram... se eu pudesse pegaria todos! Boa sorte pra eles.

Anônimo disse...

Quando alguém me diz isso na hora de adotar, eu lembro um detalhe muito importante e o adotante sempre pára pra pensar: não esqueça que, com 4 meses, a gente já sabe o temperamento. Se você pegar um pequenininho, pode descobrir depois que ele é um gatinho que nao gosta de colo, não gosta de gente ou que bate nos outros. Normalmente, a pessoa muda de idéia na hora... Lucy

Claudete disse...

Apareceu um gato no jardim do edif. onde moro, e lógico, me avisaram pelo interfone, mais lógico ainda é que fui correndo pegá-lo. Bem clarinho, lindos olhos azuis e super dócil. Levei para castrar e surpresa!!! Já estava castrado. Qdo o encontrei devia ter mais ou menos 6 meses e se adaptou rapidinho com os meus outros 13. Hoje é o mais carinhoso que tenho e já está aqui quase 8meses. Idade não é problema, quem procura problema é o ser humano.