sábado, 28 de janeiro de 2012

Mais gatinhos...

Hoje foi um dia bem difícil

De manhã cedo, os filhotinhos que haviam sido abandonados no ano novo, foram despejados do lugar reservado onde estavam

Correram dois pra cada lado do cemitério. São pequenos, podiam estar em qualquer buraco, como encontrá-los?

Fui até lá ajudar a procurar. Logo na entrada, vimos esse menino que "apareceu" no cemitério há poucos dias. Mansinho e ronronento

Demos ração e fomos procurar os filhotes perdidos

Andamos, andamos, andamos

 Olhamos nas aberturas das campas, buracos no chão, olhei até nas latas de lixo

Carla avistou dois embaixo de um pedaço de concreto

Não conseguimos pegá-los, estavam muito assustados e correram

Depois de mais algum tempo andando, encontramos um deles novamente

Dessa vez foi possível pegar essa coisinha assustada. Não é uma fofura?

Mais um tempão andando, procurando entre a vegetação, em qualquer lugar onde um filhote pudesse se esconder e, novamente, Carla avistou um

Esse não foi tão difícil de pegar

Então fomos para o outro lado do cemitério, onde deveriam estar os outros dois filhotes

No caminho, olha o leãozinho novamente. Começa a ronronar antes mesmo de pegarmos no colo, resolvi que ele viria comigo e colocamos no transporte

Andamos mais um pouco e, dessa vez, eu avistei os filhotes numa campa

O primeiro foi fácil de pegar, ele veio atraído pela comida

Mas o segundo nos deu o maior baile!

Ele passava de um lado para o outro do muro, por um buraco no chão. Ia e vinha, se escondia no meio do mato alto, perdemos de vista várias vezes até que ele se escondeu atrás de um material de construção

Algumas horas depois de chegarmos no cemitério

Três transportes recheados de gatinhos


Eu não tinha onde colocar 5 gatos então os 4 filhotes foram pra casa da senhora que os alimenta no cemitério

Ela já tinha levado outros 4 micro gatinhos que abandonaram há poucos dias

Tão pequenos que uma das meninas foi logo tentando mamar no filhote maior

São 8 gatinhos num quartinho pequeno mas era tudo o que podíamos conseguir hoje

Os menorzinhos são duas meninas tricolores, um pretinho e um preto e branco

Esses estão em segurança por enquanto

No cemitério ainda tem vários outros filhotes. Não vamos conseguir ajudar a todos

5 comentários:

Karina disse...

É uma pena não conseguir ajudar todos os filhotes. Mas vocês estão fazendo a diferença na vida desses aí! Torço para que logo consigam boas família pra eles :D

Mah disse...

meu Deus, vcs sao uns anjos.
queria mto poder morar perto pra ajudar...
sou completamente apaixonada por gatos.Tenhos duas resgatadas em casa que sao minha vida e faço parte de um grupo de ajuda aos animais chamados Anjos de 4 patas, tbm fazemos tudo que esta no nosso alcance..mas é tao dificil ne =[ só Deus sabe.
beijossss
fique com Deus...
e parabens

ps:to apaixonada pelo leoazinho, meu Deus que coisa mais linda.

Nanda Rodrigues disse...

Que lindo esse laranjinha.
Já arrumaram um lar para ele? Se não, me disponho a ajudá-lo. nanda.levine@gmail.com
Parabéns pelo trabalho.

Bruna RB disse...

oi gostaria de adotar uma tricolor ela é femea né?
e não esta castrada né?
entre em contato comigo pelo meu e-mail
gata9000_brunab_gatinha@hotmail.com

Gabriel Sakovitz disse...

Gostaria de adotar o leãozinho. Como faço?

gabriel_skz@yahoo.com.br